quarta-feira, 27 de abril de 2011

Eis me aonde Senhor?

“Depois disto, ouvi a voz do Senhor, que dizia: A quem enviarei, e quem há de ir por nós? Disse eu: eis-me aqui, envia-me a mim.” (Isaías 6:8 RA)

Muitos quando ouvem falar em “fazer missões” imaginam várias coisas. Uns pensam que é necessário viajar para países como o Congo, Somália ou o Zimbábue e viver uma vida miserável, num lugar miserável. Outros já pensam que nasceram para evangelizar à beira do rio Sena, na Trafalgar Square ou na Rodeo Drive. Outros não pensam nada. A simples menção da palavra MISSÕES traz arrepios, pois sabem que será necessário sair da zona de conforto em nome de Jesus. Na verdade ser missionário é ir aonde é necessário ir. É abrir mão do tempo, das vontades, do conforto, do comodismo. Muitos sabem o que é isso dentro do seu próprio bairro, dentro do seu trabalho, da sua família.

“Anunciar o evangelho é necessidade que se me impõe”. (I Coríntios 9:16).

Ser missionário é ser cristão. Todo, TODO, cristão é chamado a levar a palavra de Deus. É claro que Deus usa algumas pessoas em lugares mais perto e outros são enviados para longe, para países estranhos, de línguas estranhas. Mas a essência do missionário é pregar a palavra! O missionário é aquele que está disposto a ir onde há necessidade de alguém que ofereça seus dons e sua vida ao serviço dos mais necessitados e aí o leque se abre já que podemos oferecer nossos ouvidos, nossos olhos, nossa boca, pés, mãos, braços.

Existe um louvor de uma banda americana chamada Casting Crowns chamado If we are the body, e a tradução do refrão dessa musica é essa: “Mas se somos o corpo, Por que Seus braços não estão alcançando? Por que Suas mãos não estão curando? Por que Suas palavras não estão ensinando?E se somos o corpo, Por que Seus pés não estão indo?Por que Seu amor não está mostrando-lhes que há um caminho?”
O Missionário coloca em prática aquilo que aprendeu. Não adianta ser sal e não temperar nada, ou temperar algo que já tem sabor.

Ser missionário é se importar com o outro, com o próximo. É ficar com o coração apertado ao saber que alguém morreu sem a possibilidade de ter conhecido a Jesus como Senhor e Salvador. Ser missionário não é só levar a palavra de Deus e sim levar a essência de Jesus.  Ser missionário é ser paciente!
Muitos batem no peito e enchem a boca para dizer que tem “uma chamado para missões”. Mas será quem tem mesmo? Estão dispostos se sacrificar por amor àqueles a quem Deus ama?

Como moro no Rio de Janeiro, sempre soou como um grande absurdo alguém dizer para mim que nunca tinha visto o mar, ou andado de escada rolante. Mas essas pessoas existem e são muitas. A mesma indignação deveríamos ter ao saber que muitos, mas muitos mesmo, nunca ouviram falar de Jesus. Pesquise sobre a JANELA 10X40 e comece a orar pelo povo daquela região. Clame pelos missionários enviados até lá. Certamente precisam da nossa intercessão!

"E disse-lhes: Ide por todo o mundo, e pregai o evangelho a toda criatura" Marcos 16:15

Fazer missões é algo imperativo para o povo de Cristo. O "Ide" é uma ordem do próprio Senhor Jesus, não é opcional. Jesus não disse: “Olha, se vocês não forem fazer nada...preguem o evangelho.” A glória de Deus deve ser a nossa motivação mais elevada para evangelizarmos todas os povos, tribo, línguas e nações!

Pense nisso: E se nunca ninguém tivesse pregado o evangelho para você? Como você estaria hoje?

Shalom

2 comentários:

Glauber Destro disse...

Belo texto! Um ótimo insentivo necessário aos cristãos brasileiros!

Recordei de uma linda frase:

"Missões está onde VOCÊ está."

Que isso seja verdade em nossas vidas!

Sugiro acompanhar o Canal Notícias Cristãs, do Youtube!

Glauber Destro
Jornalista

Anônimo disse...

http://achatcialisgenerique.lo.gs/ vente cialis
http://commandercialisfer.lo.gs/ acheter cialis france
http://prezzocialisgenericoit.net/ cialis online
http://preciocialisgenericoespana.net/ cialis

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...