quarta-feira, 19 de janeiro de 2011


O Engano.

“Cuidado, que ninguém os engane” ( Marcos 13:5 )

Ninguém gosta de ser enganado, gosta? Acredito que não. Todos nós gostamos de saber a verdade a respeito das coisas. Sabemos que a palavra de Deus é A verdade para nossas vidas. Nosso manual. Se nós buscamos tanto pela a verdade, porque ainda somos atraídos pelo engano?

Penso que o engano é algo muito parecido com a verdade. Ele vem mascarado. Vem disfarçado de algo bom, que vai satisfazer as nossas necessidades, que nos trará felicidade mas o que o engano traz consigo são falsas palavras, falsas promessas, falsos sentimentos e etc. O engano também traz o sentimento de impotência, frustração. Vem à nossa mente a frase: “Fui enganado, e agora?” Quando somos enganados nos sentimos humilhados, usados, abusados. TODOS são passíveis de ser enganados, menos Deus. Dele ninguém zomba, e ninguém engana!

Quanto mais nos enlaçamos com a mentira, com o engano, mais difícil é encontrar a verdade. E meu querido não se iluda, o que o inimigo quer é te enganar. E ele vai tentar de tudo. Falsas palavras, falsas promessas, falsos relacionamentos, falsos sentimentos, falsa alegria, falsa satisfação, e isso não só na área sentimental, mas em qualquer área da sua vida!

No corpo de Cristo há imitações, disfarces, cópias, cristãos que parecem verdadeiros e, no entanto, são falsos. Veja bem, não nos cabe julgar, acusar ou denegrir a imagem de ninguém. Veja o que o apóstolo Paulo nos diz em 2 Timóteo 3: 1 a 5: “Sabe, porém, isto: que nos últimos dias sobrevirão tempos trabalhosos. Porque haverá homens amantes de si mesmos, avarentos, presunçosos, soberbos, blasfemos, desobedientes a pais e mães, ingratos, profanos, sem afeto natural, irreconciliáveis, caluniadores, incontinentes, cruéis, sem amor para com os bons, traidores, obstinados, orgulhosos, mais amigos dos deleites do que amigos de Deus, tendo aparência de piedade, mas negando a eficácia dela. Destes afasta-te.”

Infelizmente, muitos desses estão dentro do corpo de Cristo. Como reconhecê-los? Conhece-se uma árvore por seus frutos. Os frutos por fora as vezes estão bons, mas por dentro podres. Quem com sua boca confessa ser cristão, mas não pratica o cristianismo no dia-a-dia, precisa aceitar que outros lhe perguntem se não está enganando a si mesmo. Podemos enganar alguns por algum tempo, mas não podemos os enganar para sempre. Aparentemente, parece ser de Deus, faz tudo certinho, mas, no seu coração não há inteireza, não tem uma afinidade com Deus, e consequentemente não lhe obedece por completo. É igual a Marta. Se agita de todos os lados para servir à igreja e à obra, mas não vive aos pés de Jesus.

Achei esses dados no site Chamada.com.br e vou colocar aqui:

De acordo com pesquisas nos EUA, quase metade dos americanos se dizem cristãos renascidos. Mas uma análise mais aprofundada revelou que muitos confundem o novo nascimento com uma sensação positiva a respeito de Deus e de Jesus.
Um levantamento estatístico entre os cristãos praticantes nos EUA apresenta resultados desanimadores, o que também é representativo em relação à Europa:
• 20% nunca oram
• 25% nunca lêem a Bíblia
• 30% nunca vão à igreja
• 40% não apóiam a “obra do Senhor” por meio de ofertas
• 50% nunca vão à Escola Bíblica Dominical (de todas as faixas etárias)
• 60% nunca vão a um culto vespertino
• 70% nunca dão dinheiro para missões
• 80% nunca freqüentam uma reunião de oração
• 90% nunca realizam culto em família [1]
Queridos, esses poderiam ser os dados da minha igreja, da sua igreja!

A verdade nos traz paz ao coração. O que vem de Deus acalma a nossa mente, aquece o nosso coração. Deus não é um Deus de engano, de mentiras. Peça para que o Senhor te livre de todo o engano. Que abra os seus olhos espirituais, que abra o seu entendimento, os seus ouvidos. De um basta em todo o engano em sua vida e viva a verdade de Deus, hoje e para sempre!

E conhecereis a verdade, e a verdade vos libertará. (João 8:32)

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...