sexta-feira, 28 de janeiro de 2011


FALA COMIGO DEUS!

HEBREUS 1
1 Havendo Deus antigamente falado muitas vezes, e de muitas maneiras, aos pais, pelos profetas,
2 nestes últimos dias a nós nos falou pelo Filho, a quem constituiu herdeiro de todas as coisas, e por quem fez também o mundo;

Meu querido quero que você saiba de uma grande verdade. Deus fala conosco o tempo todo! As vezes clamamos, e clamamos, e oramos, e jejuamos e corremos atrás de profetas e profecias, tudo em busca da tão sonhada voz do Senhor. Estamos tão ansiosos em “ouvir” a voz de Deus que nos esquecemos de entender a voz do Senhor.
Nós somos extremamente limitados, e ainda assim podemos nos comunicar de inúmeras maneiras. Imagine o Senhor, que é ilimitado e que para Ele não existem impossíveis? Deus fala de variadas maneiras e faz isso o tempo todo!

“... e as ovelhas o seguem porque conhecem a sua voz...", João 10.4.Nós usamos a nossa oração e elevamos os nossos pensamentos a Deus quando queremos falar com Ele (acredito que fazemos isso várias vezes por dia amém?), mas o Senhor usa meios completamente diferentes e as vezes pouco comuns para falar conosco.

Como Adão era privilegiado! Ouvia a voz do criador diretamente Dele. Deus também falou através de uma sarça ardente, falou através de uma mula (!!!!!!!), falou através de seus profetas inúmeras vezes, usou sonhos e visões para se comunicar com o povo, falou através do Seu filho unigênito e continua falando até hoje. Podemos dizer que Deus é bem tagarela, e tudo isso por amor as nossas vidas, pois Ele quer que saibamos como agir corretamente e agradá-lo mais e mais. Isso faz parte do nosso relacionamento com o Pai. Todo e qualquer tipo de relacionamento precisa de diálogo, comunicação.

Acontece que por mais que nossos ouvidos naturais estejam ótimos, nossos ouvidos espirituais permanecem tampados. Recusamos-nos a ouvir o que Deus tem para nos falar. Existe uma grande diferença entre escutar e ouvir. Ouvir está mais ligado aos sentidos da audição, ao próprio ouvido. "Entender, perceber pelo sentido do ouvido" (Michaelis - Moderno Dicionário da Língua Portuguesa. Embora também possua os significados de "... escutar o discurso, as razões, os conselhos, etc." (Michaelis) Porém, aqui, já entra a função do termo escutar.
Escutar, por sua vez, significa "... prestar atenção para ouvir; dar atenção a; ouvir, sentir, perceber...” (Michaelis) Ou ainda: "tornar-se ou estar atento para ouvir; dar ouvidos a; aplicar o ouvido com atenção para perceber ou ouvir..." (Novo Aurélio).

Não basta que você escute o que Deus tem para falar. É necessário que você pare e reflita no que escutou. Deus fala tremendamente através da bíblia. Lembre-se que é o mesmo Deus. O Deus que falou com Moisés, com Jeremias, é o mesmo que fala com você hoje. A bíblia não é mais um livro histórico, ou o livro mais lido em todo o mundo. A bíblia é um livro escrito sim por homens, mas inspirada por Deus.
Toda a Escritura é inspirada por Deus e útil para o ensino, para a repreensão, para a correção, para a educação na justiça, (2 Timóteo 3:16 RA).
A bíblia é luz para o nosso caminho, lâmpada para os nossos pés.

Se quisermos ouvir a voz de Deus precisamos fazer algumas coisas:
- Abra o seu coração e leve sua mente cativa a Deus.
- Desenvolva um relacionamento íntimo e duradouro com o Pai.
- Retire TODA a ansiedade e pressa do seu coração. Espere Deus falar. Espere o tempo que for.
- Busque pela palavra de Deus. Medite nela dia e noite.
- Esteja atento as pequenas coisas. Não espere que aconteça com você o que aconteceu com Jesus na ocasião de seu batismo. ( ok, isso pode acontecer também). Deus é imprevisível. A palavra Dele pode vir de onde você menos espera!

E nunca se esqueça: O que vem de Deus traz paz ao nosso coração. Deus quer falar conosco. Encha-se do Seu Espírito e experimente o melhor relacionamento da sua vida!

A Paz!

quinta-feira, 27 de janeiro de 2011

SOMOS O SAL DA TERRA!
Mateus 5:13 – “Vós sois o sal da terra; e se o sal for insípido, com que se há de salgar? Para nada mais presta senão para se lançar fora, e ser pisado pelos homens.”

Eu tenho um paladar muito mais voltado para as coisas salgadas que doces! Uma comida sem sal realmente não tem sabor algum. Mas, se colocarmos uma pitadinha de sal, muda completamente o sabor do alimento. Parece que o sal traz vida à comida. Sal de menos desvaloriza a comida e sal demais a torna insuportável.

Jesus nos compara ao sal. Se não houver finalidade, pode ser jogado fora. Mas pense comigo, o sal dentro do saleiro também não é nada útil. O sal só tem finalidade fora do saleiro, onde ele pode fazer a diferença, onde ele pode temperar. Assim somos nós. Ser cristão dentro de nossas igrejas é fácil. O desafio é sermos sal no meio da multidão, sermos sal da terra. Nosso maior desafio é fazer a diferença. Não podemos ser demais, do tipo que afasta as pessoas do evangelho, nem de menos a ponto de nos calarmos ou nos excluirmos das situações. Devemos temperar o mundo com a palavra de Deus.


Durante muito tempo o sal foi chamado de ouro branco, devido ao seu grande valor. Os Gregos e Romanos, utilizavam o sal como moeda para suas compras e vendas e com este condimento os romanos eram pagos, por isso surgiu a palavra salário que deriva de sal. Foi também considerado um artigo de luxo e só os mais ricos tinham acesso a ele. Quando Jesus nos compara ao sal, ele não só está nos dizendo que temos uma finalidade na terra, mas também nos diz que temos um grande valor para Ele. E reparem numa coisa: Jesus não nos diz que devemos ser sal, Ele nos diz que SOMOS sal. Devemos ter atitudes que façam diferença em nosso meio. Pessoas tem andado por aí com vidas completamente sem sabor, sem esperança, sem direção. Nós podemos e devemos fazer a diferença!

Em alguns alimentos o sal não só tempera como ele também conserva o alimento. Você percebe a sua importância no mundo? Você pode não só fazer a diferença como pode também conservar viva essa diferença. Não podemos nos contaminar com a terra. Nós somos o sal da terra. O sal é uma coisa, a terra é outra. O sal contaminado não serve para nada. Não está mais limpo, nem puro! Não devemos viver de acordo com a terra( com os padrões do mundo) pois certamente seremos pisados.

Se quisermos levar a cura, a salvação, a alegria, precisamos estar limpos e puros. O sal ajuda na cura. Ela causa dor no momento da aplicação, por ter qualidades de purificação.
Você tem temperado o mundo a sua volta? Não seja um Cristão insípido. é o Espírito santo quem nos dá sabor e se estamos cheios Dele "contaminaremos" a outros.
Lembre-se: Temos a responsabilidade, como discípulos de Cristo, de sermos sal da terra!
A paz

terça-feira, 25 de janeiro de 2011

ERROS
Hoje quero falar sobre Erros. Erros que cometemos, erros que cometem conosco. Eu não sei se digo ainda bem, ou gloria a Deus por não termos uma borracha para apagar os nossos erros. Uma vez cometido, ponto final. Não podemos apagar aquilo que fizemos, não podemos voltar atrás. Depois de feito o que podemos fazer é esperar o resultado, as conseqüências.

Todos nós somos passíveis de erros. Podemos e fazemos escolhas erradas, baseadas no nosso instinto, no impulso, na emoção. Agimos e falamos sem pensar, ou até pensamos, mas não calculamos as conseqüências disso. O que acontece é nos arrependemos, nos envergonhamos, e passamos a nos esconder da face de Deus.

Genesis 3:10 – “E ele disse: Ouvi a tua voz soar no jardim, e temi, porque estava nu, e escondi-me.”

Passamos a nos comportar como Adão. Descobrimos aquilo que nos envergonha e não queremos estar diante de Deus e em alguns casos colocamos a culpa na outra pessoa. Genesis 3:12 - “Então disse Adão: A mulher que me deste por companheira, ela me deu da árvore, e comi.” Adão, você comeu porque quis, para saciar a sua vontade, os seus desejos carnais. É que só existia a Eva, mas se fosse a Maria, a Joana, a Rute que te oferecesse você também comeria. Eva a culpa foi só sua também. Não culpe Satanás pelas suas fraquezas. Não é Cristo que te fortalece? Você não é mais que vencedor? Não sabe que se resistir ao diabo ele fugirá de você?

Com essa desgraça toda na região serrana do Rio de Janeiro, ouvimos muito a respeito de medidas preventivas. Agora só se fala nisso. Depois da tragédia, estão pensando em medidas preventivas. Mas quer saber? Precisamos de medidas preventivas também na nossa vida, precisamos estabelecer coisas que nos ajudem a não pecarmos, a não errarmos.

Marcos 9:45 – “E, se teu pé te faz tropeçar, corta-o; é melhor entrares na vida aleijado do que, tendo os dois pés, seres lançado no inferno”. Precisamos cortar o que nos faz cair, tropeçar. Muitos escolhem cortar o evangelho para não ter que abrir mão de nada. Se você errou e se arrependeu, gloria a Deus pela sua vida. Não se esconda da presença do Senhor por causa dos seus pecados. Vá até Ele, reconheça as suas fraquezas e peça ajuda para seguir em frente e não pecar mais. Às vezes falta-nos força para lutar, mas não se torture por isso. Ainda que você não vença todas as batalhas, a guerra já foi vencida por Cristo Jesus na cruz!

Se você não se arrepende do que fez, vá também aos pés de Jesus e peça a Ele para que te mostre o erro. Ele fará isso com muito amor. Deus não ama os nossos pecados, mas Ele nos ama. O desejo pelo pecado sempre vai está em nós, mas somos nós que decidimos qual caminho queremos seguir. Escolha seguir o caminho que não vai te levar a vergonha, ao choro, a solidão. Escolha o caminho que não vai te humilhar, te fazer se sentir pequeno, frágil. Escolha certo. Escolha o caminho de Cristo.

Se você sentir no seu coração, faça essa oração.

Salmo 51
"Compadece-te de mim, ó Deus, segundo a tua benignidade; e, segundo a multidão das tuas misericórdias, apaga as minhas transgressões.
Lava-me completamente da minha iniquidade e purifica-me do meu pecado.
Pois eu conheço as minhas transgressões, e o meu pecado está sempre diante de mim.
Pequei contra ti, contra ti somente, e fiz o que é mal perante os teus olhos, de maneira que serás tido por justo no teu falar e puro no teu julgar.
Eu nasci na iniquidade, e em pecado me concebeu minha mãe.
Eis que te comprazes na verdade no íntimo e no recôndito me fazer conhecer a sabedoria.
Purifica-me com hissopo, e ficarei limpo; lava-me, e ficarei mais alvo que a neve.
Faze-me ouvir júbilo e alegria, para que exultem os ossos que esmagaste.
Esconde o rosto dos meus pecados e apaga todas as minhas iniquidades.
Cria em mim, ó Deus, um coração puro e renova dentro de mim um espírito inabalável.
Não me repulses da tua presença, nem me retires o teu Santo Espírito.
Restitui-me a alegria da tua salvação e sustenta-me com um espirito voluntário.
Então, ensinarei aos transgressores os teus caminhos, e os pecadores se converterão a ti.
Livra-me dos crimes de sangue, ó Deus, Deus da minha salvação, e a minha língua exaltará a tua justiça.
Abre, Senhor, os meus lábios e a minha boca manifestará os teus louvores.
Pois não te comprazes em sacrifícios; do contrário, eu tos daria; e não te agradas de holocaustos.
Sacrifícios agradáveis a Deus são o espírito quebrantado; coração compundigo e contrito, não o desprezarás, ó Deus.
Faze bem a Sião, segundo a tua boa vontade; edifica os muros de Jerusalém.
Então, te agradarás dos sacrifícios de justiça, dos holocaustos e das ofertas queimadas; e sobre o teu altar se oferecerão novilhos."

segunda-feira, 24 de janeiro de 2011


Nunca troque o que mais quer na vida, pelo o que mais quer no momento"

Eu não sei quem escreveu isso, mas copiei do Facebook de uma amiga. Seja lá quem tenha escrito isso, me fez parar para pensar no que eu mais quero da minha vida e o que eu mais quero no momento. Quem me conhece sabe o que eu mais quero no momento, sabe o que ainda está me faltando, sabe o que me faz as vezes a noite em minhas orações chorar e clamar a Deus. Mas isso é o que eu quero nesse momento... E em alguns outros momentos. Mas o que eu quero para a minha vida é Deus. O que eu quero mais na minha vida é não perder a intimidade com o Pai. Não perder a comunhão. O que eu mais quero é ter sensibilidade para ouvir a voz do Espírito.

"Como suspira a corça pelas correntes das águas, assim, por ti, ó Deus, suspira a minha alma. A minha alma tem sede de Deus, do Deus vivo" (Salmo 42:1, 2).

O que você mais quer da sua vida? Não troque isso pelo que você mais quer nesse momento. Não troque algo que é eterno por algo passageiro, a verdade pela mentira, a realidade pela ilusão. É nos momentos mais negros da vida que nos lembramos de nossa grande necessidade de Deus e meu querido aprendi isso no dia a dia. Não espere o dia mau chegar para buscar a face de Deus. Não espere se afundar na lama para segurar em Suas mãos.

Depois da morte da minha mãe, eu quis fazer muitas coisas que até então nunca tinha feito. Fiz tatuagens, me esbaldei na noite, dei meu coração para pessoas que nunca souberam valorizar e me magoei, me feri, me arrependi. Eram coisas que eu queria naquele momento. Não era o que eu mais precisava na vida. Naquele momento eu tinha um buraco muito grande no meu coração, uma dor que parecia que ter fim, uma ferida que não queria curar.

"Tem misericórdia de mim, ó Deus... apaga as minhas transgressões, segundo a multidão das Tuas misericórdias... (Salmo 51: 8-9)

Eu descobri, ou melhor, me lembrei do que eu mais precisava na minha vida. Precisava de Deus! Precisava voltar para os braços do Pai, precisava da sombra das Suas asas, precisava do carinho de Suas mãos. Precisa voltar a sentir paz, sentir meu coração sendo massageado nos meus períodos de angustia de aflição. Precisava do meu Pai. Sabia que não teria mais minha mãe de volta e tudo o que eu estava fazendo não estava me dando paz nem tranqüilidade. Não era feliz. Eu tinha momentos felizes.

É o Senhor o motivo da nossa alegria. É Ele o motivo do nosso respirar, do nosso viver. A nossa felicidade vem do alto e não das coisas que nos cercam. Quantas pessoas têm tudo e são terrivelmente infelizes? Elas não têm Deus, não tem o consolo do Espírito Santo. Sentem um vazio tão grande que tentam preencher com relacionamentos, compras, drogas, ou com deuses estranhos.

Quando o véu do templo se rasgou passamos a ter acesso direto ao Pai através de Jesus Cristo. Você tem noção do privilégio que você tem? Você tem noção que hoje você pode ir à sala do trono e sentar no colo de Deus? Você pode estar pensando assim: Ahh, mas eu sou tão pecador, não mereço o amor de Deus. Não mereço ser chamado filho de Deus. Vá a Deus da maneira como você está. Ajoelhe-se diante Dele, peça perdão pelos seus pecados, declare seu amor a Deus, reconheça que somente a graça dele te basta. Busque-o de coração, sem interesses pessoais. E eu garanto que você se alegrará com os Seus feitos. ( Salmo 92:4)

sábado, 22 de janeiro de 2011


Malaquias 1:10

"Tomara houvesse entre vós quem fechasse as portas, para que não acendêsseis debalde o fogo do meu altar. Eu nãoi tenho prazer em vós, diz o Senhor dos Exércitos, nem aceitarei da vossa mão a vossa oferta."

sexta-feira, 21 de janeiro de 2011


O primeiro amor.

“Tenho, porém, contra ti que abandonaste o teu primeiro amor.” Apocalipse 2.4

Você se lembra de quando aceitou a Jesus como Senhor e Salvador da sua vida? Ou se você já nasceu num lar cristão, você se lembra da primeira experiência real que teve com Deus? Você lembra no início da sua conversão, quando as pregações do pastor tocavam o seu coração, e você saía do culto avivado e com a esperança renovada, crendo que Deus sanaria os seus problemas? Você consegue se lembrar de como as promessas de Deus pareciam reais para você e de como você falava do amor de Jesus para outras pessoas. E a bíblia então? Você devorava cada versículo e realmente meditava nele. O que aconteceu com você? O que acontece conosco para que esqueçamos como é delicioso viver o primeiro amor com Cristo Jesus?

Essa palavra foi dada a uma igreja em particular. Deus fala individualmente com cada um de nós. A igreja de Éfeso um dia tinha sido avivada e fervorosa e tinhas qualidades consideráveis. “Conheço as tuas obras, e o teu trabalho, e a tua paciência, e que não podes sofrer os maus; e puseste à prova os que dizem serem apóstolos, e o não são, e tu os achaste mentirosos.
E sofreste, e tens paciência; e trabalhaste pelo meu nome, e não te cansaste.

Quantas qualidades esse povo tinha, e quantas qualidades nó temos também. Mas deixamos o nosso primeiro amor. Nosso coração já não bate mais por Jesus como batia antes, nossos olhos já não ardem mais de paixão, não nos emocionamos mais quando sentimos o amor de Deus. Não nos importamos mais com outras pessoas, mas estamos focados no nosso EU. Eu quero, eu preciso, eu faço, eu posso...


“Lembra-te, pois, de onde caíste, e arrepende-te, e pratica as primeiras obras; quando não, brevemente a ti virei, e tirarei do seu lugar o teu castiçal, se não te arrependeres.” AP 2:5

Somos chamados ao primeiro amor, e de forma sincera e honesta ao arrependimento e mudança de vida! O primeiro amor é uma profunda resposta ao entendimento do amor de Cristo, que nos leva a buscar e servir ao Senhor com intensidade e paixão. O primeiro amor precisa ser alimentado diariamente. Precisamos colocar lenha na fogueira, manter a chama acessa.

“Quero trazer à memória o que me pode dar esperança”. (Lamentações 3.21).
Traga a memória o início da sua caminhada com Cristo, relembre como era ( e é ) muito bom crê e confiar 100% em nosso Pai. Relembre os primeiros momentos de fé, de experiência com Deus. Quando esfriamos nosso relacionamto com Cristo, depende somente de nós resgatar esse contato íntimo com o Senhor. Deus em momento algum, a despeito das nossas falhas rompre o relacionamento com o Seu povo.

Seja novamente atraído ou permita-se atrair-se pelas palavras de Cristo, por Seu amor, pela Suacomunhão. Permita-se sentir novamente a paz que excede todo entendimento. Como diz a pastora Nayra, perdemos o brilho nos olhos quando estamos longe de Jesus. Que os nossos olhos nunca percam o brilho.

Amém

quinta-feira, 20 de janeiro de 2011

PROBLEMAS E DIFICULDADES

Outro dia estava ouvindo uma amiga falar que estava com um problemão. E ela me contou qual era. Fiquei ouvindo e pensando que o que ela tinha era uma dificuldade. Não um problema. Dias depois aconteceu essa tragédia aqui na serra do Rio de Janeiro. Aquelas pessoas hoje têm um problema!

Muitas vezes damos uma importância maior para as nossas dificuldades do que elas realmente têm. É claro que não pretendo dizer se a dificuldade que você tem é maior ou menor que a do seu vizinho, mas as vezes nos preocupamos demais com coisas de menos. Refletindo nesse assunto, vi que problema tem pais e mães de família que perdem o emprego e precisam pagar contas. Problemas têm as pessoas com doenças terminais, que necessitam de um milagre na vida, pois a medicina já deu um diagnóstico negativo. Problemas têm as famílias com filhos ou pessoas dependentes químicos que sofrem com um vício que vai corroendo aos poucos. E essas famílias que perdem tudo nessas catástrofes climáticas? Para onde irão, contarão com quem? Cada um sabe o tamanho do seu problema ou da sua dificuldade.

A verdade meu querido, é que nos acostumamos a reclamar. Reclamos de acordar cedo para trabalhar, quando milhões de pessoas acordam junto com a gente para procurar emprego (e muitos voltam sem conseguir). Reclamamos ao fim do dia que estamos cansados do trabalho, mas nos esquecemos que estamos empregados! Reclamamos de comer a mesma comida, quando muitos nem comida tem. Reclamamos dos nossos pais e parentes, quando muitos são abusados por esses ou simplesmente não os tem. Reclamamos por estarmos na enorme fila do banco ou do mercado, mas não agradecemos a Deus por podermos pagar as contas e os alimentos.

Quando entendermos que é Deus quem dirige as grandes e as pequenas coisas do nosso viver e não o acaso, a fatalidade, a sorte ou o azar, e que "todas as coisas cooperam para o bem daqueles que amam a Deus, daqueles que são chamados segundo o seu propósito" (Rm 8.28), então nunca mais veremos nossos problemas e dificuldades da mesma maneira.

Um problema que você nunca pode ter e depende única e exclusivamente de você é a falta de fé. Deus está atento para cada uma de nossas dificuldades. Não devemos reclamar ou desanimar. Você enfrenta problemas? Todos enfrentamos. A diferença está na maneira de encará-lo. Se você crê em Deus, não precisa se preocupar com o tamanho dos problemas, pois Ele é maior que o seu problema. O viver com Cristo não nos isenta de enfrentarmos problemas, dificuldades, adversidades ou o chamado “dia mau”.

Todas essas coisas poderão nos atingir, porém jamais nos derrotarão. Essa é a grande diferença entre aquele que serve a Cristo daquele que não serve, daquele que está com Cristo e daquele que não está . E não é só isso. Quando você está nos braços do pai, você enxerga o problema vendo-o de cima. Então ele se tona menor do que você pensava! Quero incentivar você a confiar todos os seus problemas a Deus e acreditar que nada é impossível para Ele e quando Ele opera ninguém pode impedir a força do Seu poder.

“Em todas estas coisas, porém, somos mais que vencedores, por meio daquele que nos amou” ( Romanos 8:37).

quarta-feira, 19 de janeiro de 2011


O Engano.

“Cuidado, que ninguém os engane” ( Marcos 13:5 )

Ninguém gosta de ser enganado, gosta? Acredito que não. Todos nós gostamos de saber a verdade a respeito das coisas. Sabemos que a palavra de Deus é A verdade para nossas vidas. Nosso manual. Se nós buscamos tanto pela a verdade, porque ainda somos atraídos pelo engano?

Penso que o engano é algo muito parecido com a verdade. Ele vem mascarado. Vem disfarçado de algo bom, que vai satisfazer as nossas necessidades, que nos trará felicidade mas o que o engano traz consigo são falsas palavras, falsas promessas, falsos sentimentos e etc. O engano também traz o sentimento de impotência, frustração. Vem à nossa mente a frase: “Fui enganado, e agora?” Quando somos enganados nos sentimos humilhados, usados, abusados. TODOS são passíveis de ser enganados, menos Deus. Dele ninguém zomba, e ninguém engana!

Quanto mais nos enlaçamos com a mentira, com o engano, mais difícil é encontrar a verdade. E meu querido não se iluda, o que o inimigo quer é te enganar. E ele vai tentar de tudo. Falsas palavras, falsas promessas, falsos relacionamentos, falsos sentimentos, falsa alegria, falsa satisfação, e isso não só na área sentimental, mas em qualquer área da sua vida!

No corpo de Cristo há imitações, disfarces, cópias, cristãos que parecem verdadeiros e, no entanto, são falsos. Veja bem, não nos cabe julgar, acusar ou denegrir a imagem de ninguém. Veja o que o apóstolo Paulo nos diz em 2 Timóteo 3: 1 a 5: “Sabe, porém, isto: que nos últimos dias sobrevirão tempos trabalhosos. Porque haverá homens amantes de si mesmos, avarentos, presunçosos, soberbos, blasfemos, desobedientes a pais e mães, ingratos, profanos, sem afeto natural, irreconciliáveis, caluniadores, incontinentes, cruéis, sem amor para com os bons, traidores, obstinados, orgulhosos, mais amigos dos deleites do que amigos de Deus, tendo aparência de piedade, mas negando a eficácia dela. Destes afasta-te.”

Infelizmente, muitos desses estão dentro do corpo de Cristo. Como reconhecê-los? Conhece-se uma árvore por seus frutos. Os frutos por fora as vezes estão bons, mas por dentro podres. Quem com sua boca confessa ser cristão, mas não pratica o cristianismo no dia-a-dia, precisa aceitar que outros lhe perguntem se não está enganando a si mesmo. Podemos enganar alguns por algum tempo, mas não podemos os enganar para sempre. Aparentemente, parece ser de Deus, faz tudo certinho, mas, no seu coração não há inteireza, não tem uma afinidade com Deus, e consequentemente não lhe obedece por completo. É igual a Marta. Se agita de todos os lados para servir à igreja e à obra, mas não vive aos pés de Jesus.

Achei esses dados no site Chamada.com.br e vou colocar aqui:

De acordo com pesquisas nos EUA, quase metade dos americanos se dizem cristãos renascidos. Mas uma análise mais aprofundada revelou que muitos confundem o novo nascimento com uma sensação positiva a respeito de Deus e de Jesus.
Um levantamento estatístico entre os cristãos praticantes nos EUA apresenta resultados desanimadores, o que também é representativo em relação à Europa:
• 20% nunca oram
• 25% nunca lêem a Bíblia
• 30% nunca vão à igreja
• 40% não apóiam a “obra do Senhor” por meio de ofertas
• 50% nunca vão à Escola Bíblica Dominical (de todas as faixas etárias)
• 60% nunca vão a um culto vespertino
• 70% nunca dão dinheiro para missões
• 80% nunca freqüentam uma reunião de oração
• 90% nunca realizam culto em família [1]
Queridos, esses poderiam ser os dados da minha igreja, da sua igreja!

A verdade nos traz paz ao coração. O que vem de Deus acalma a nossa mente, aquece o nosso coração. Deus não é um Deus de engano, de mentiras. Peça para que o Senhor te livre de todo o engano. Que abra os seus olhos espirituais, que abra o seu entendimento, os seus ouvidos. De um basta em todo o engano em sua vida e viva a verdade de Deus, hoje e para sempre!

E conhecereis a verdade, e a verdade vos libertará. (João 8:32)

segunda-feira, 17 de janeiro de 2011



TESTE DO TEMPO

A algum tempo atrás tive um problema de pele que me fez procurar alguns dermatologistas. Fui a muitos. Gastei dinheiro com consultas, cremes, remédios e nada estava fazendo efeito. Fora o tempo! Até que resolvi ir, numa das melhores dermatologistas do RJ. A médica era super conceituada, a consulta dela custava uma fortuna e eu sabia que ela daria um jeito. Quando cheguei ao consultório a primeira coisa que ela me falou foi: “Renata, o que eu vou fazer vai dar certo, mas você vai precisar ter paciência.”

Era tudo o que eu não queria ouvir. Queria que ela resolvesse meu problema ali na hora. Já estava tão cansada. Bom, resolvi fazer tudo o que ela dizia, e resolvi ter paciência. Nas primeiras sessões não vi melhora alguma. Aquilo ia me dando uma angustia tão grande e ela só falava: “Calma... vai dar certo... tenha paciência”. O resultado foi que depois de todas as sessões o problema que eu tive na pele desapareceu e nunca mais voltou. Ela tinha razão, ela sabia o que estava fazendo. Eu só precisava confiar e obedecer.

Na nossa vida acontecem inúmeras coisas que queremos que sejam resolvidas para ontem. Oramos e não sabemos esperar pela resposta de Deus, no tempo de Deus. Deus tem uma promessa (ou melhor, algumas promessas) para cada um de nós. Só que cada promessa passa pelo teste do tempo. Isso não quer dizer que Deus não esteja agindo a seu favor ou que tenha se esquecido do seu pedido. Deus trabalha muitas vezes em silêncio e o que ele espera de nós é que saibamos confiar Nele e obedecê-lo.

Assim como fiz com a médica, reconhecer que Deus é o único capaz de resolver nossos problemas, já é um grande passo. O segundo passo é entregar completamente nossa ansiedade em Suas mãos. Depois precisamos crer. Precisamos acreditar que Deus fará todas as coisas no tempo Dele. E por fim precisamos perseverar. Se eu tivesse desistido na quarta ou quinta sessão, não teria visto o resultado no final.

Eu sei que não é fácil o tempo da espera. É cansativo, chato, custoso, mas é também um tempo único. Deus está nos moldando, nos tornando pessoas melhores, está aprimorando o nosso caráter. Lembre-se que Deus cumpre todas as Suas promessas. O que limita o agir de Deus é nossa dificuldade de crer e esperar. É a nossa visão limitada; só conseguimos ver aquilo que está diante de nossos olhos. Precisamos alargar o espaço da nossa visão. Não ver somente o natural, mas ver o sobrenatural de Deus.

Rm 4:20-21 –“...não duvidou, por incredulidade, da promessa de Deus; mas, pela fé, se fortaleceu, dando glória a Deus, estando plenamente convicto de que ele era poderoso para cumprir o que prometera”

O que você precisa no dia de hoje? De saúde? De paz? De um emprego? De alegria? Seja o que for Jesus já conquistou isso para você. Você é herdeiro (a) das bênçãos de Deus. Já são suas! No tempo certo, no tempo de Deus você colocará suas mãos nelas. E até lá, dê glorias. Em TUDO! O teu Deus, nunca falhará, eu sei que chegará a tua vez. Tua sorte Ele mudará, diante dos teus olhos!

“Para que todos vejam... que a mão do Senhor fez isso." Is 41:20

quinta-feira, 13 de janeiro de 2011


Brechas

“Mas, ouvindo Sambalate e Tobias, e os arábios, o amonitas e os asdoditas, que ia avante a reparação dos muros de Jerusalém e que já as brechas se começavam a fechar, iraram-se sobremodo” – Neemias 4:7

Após um longo período no cativeiro, o povo de Deus tinha a chance de recomeçar. Uma das preocupações de Neemias foi em fechar as brechas, pois ele sabia que o inimigo entraria por ali se encontrasse oportunidade. Ele conhecia a história. No passado, no reinado de Zedequias, Nabucodonosor tentou invadir Jerusalém e conseguiu. Veja o que diz os primeiros versículos de Jeremias 39: “No ano nono de Zedequias, rei de Judá, no décimo mês, veio Nabucodonosor, rei de Babilônia, e todo o seu exército contra Jerusalém, e a cercaram. 2 No ano undécimo de Zedequias, no quarto mês, aos nove do mês, fez-se uma brecha na cidade.”

Nabucodonosor viu ali a oportunidade perfeita. Uma falha! Uma brecha. Mas o que é uma brecha exatamente? Brecha é uma abertura feita no muro de uma fortaleza, e pela qual se pode penetrar. Espaço vazio; lacuna. Ferida larga e profunda. Depressão profunda e estreita entre rochedos ou montanhas. No aspecto espiritual brecha pode representar uma área vulnerável de nossa personalidade que o inimigo se utiliza.

Sabemos que o que o nosso inimigo quer é achar em nossas vidas. Ele anda ao nosso derredor. Nós somos pela palavra de Deus comparados a uma cidade murada. Leia provérbios 25:28. Se fossemos administrar essa cidade certamente verificaríamos se está bem protegida, se os portões estão bem fechados, se as brechas no muro estão tapadas. Tudo para evitar o ataque do inimigo. Sabemos olhar para um muro e dizer se ele precisa de reparo, mas e na nossa vida? Conseguimos fazer a mesma coisa? Conseguimos olhar para dentro de nós e procurar pelas brechas?

Eu posso te adiantar algumas, e as outras peça ao Espírito Santo de Deus que te revele antes que o inimigo invada e destrua tudo. As “brechas espirituais” são os pecados cometidos de forma consciente ou não, que permitem e dão toda a autoridade legal para o que o diabo venha agir contra os cristãos.
Falta de perdão é uma grande brecha. As obras da carne causam grandes brechas em nossa vida. Não dizimar também. DESOBEDIÊNCIA! O direito do diabo se baseia justamente na desobediência de suas vitimas a Deus. Desobedecendo a Deus e a Sua palavra, você está dando uma brecha, ou melhor, um rombo para o diabo agir na sua vida.

Nem tudo o que é bom, aos nossos olhos, é bom aos olhos de Deus. Nem tudo que te parece correto é correto de verdade. Deixe Cristo viver verdadeiramente em você!A natureza humana caída e pecaminosa deve ser mortificada a cada dia.
Você tem dado brecha para o inimigo? Reconhecer já é um grande passo! Resista as tentações, tenha fé, seja sábio e sempre esteja na presença de Deus. Nós precisamos retirar toda a legalidade do inimigo na nossa vida!

Romanos 8:37 "Mas em todas estas coisas somos mais do que vencedores por aquele que nos amou".

A paz

quarta-feira, 12 de janeiro de 2011


DEUS DE PERTO

Buscai ao SENHOR enquanto se pode achar, invocai-o enquanto está perto.(Isaías 55:6)

Ao longo da vida, aprendemos que Deus é um Deus inacessível. Aprendemos que Deus mora no céu, que vive sentado num trono, que tem vestes brancas e uma barba branca bem grande (cabelos brancos também). Jesus por sua vez, está parado em pé ao lado direito do trono de Deus (“Jesus ... está assentado à destra do trono de Deus.” Hebreus 12:2) e o Espírito Santo fica rodando em volta do trono.

Bom, a despeito de isso ser algo tão implícito, não é assim. Deus é um Deus de perto e não de longe e esse versículo em Isaías nos diz isso. Às vezes formamos uma imagem de um Deus mau, ausente, que só se importa com as pessoas santas e boazinhas. Deus se importa com TODOS. Deus nunca mudou. Ele é o mesmo Deus desde a criação. Adão e Eva foram feitos a imagem e semelhança desse Deus. Ele é invisível, mas real. E é tão real que é impossível negligenciarmos a Sua presença.

“A minha presença irá contigo, e eu te darei descanso. Então lhe disse Moisés: Se a tua presença não vai comigo, não nos faça subir deste lugar” Êxodo 33.14-15.

Moisés sabia que sem a presença de Deus seria impossível alcançar a terra prometida. Ele reconhecia não só a dependência que tinha do Senhor, mas também a necessidade de uma comunhão real com Deus. Essa condicional dada por Moisés: “se a tua presença não vai comigo...” deveria ser exemplo nas nossas vidas. Deveríamos pedir e clamar pela presença de Deus em todos os momentos da nossa vida. No trabalho, no carro, em casa, nos estudos, na hora de pregar, de ensinar e etc. Não estamos pedindo algo impossível. Lembre-se: Deus é presente na sua vida.

E sempre foi assim. Antes de Jesus, Deus se fez presente com o povo inúmeras vezes. Depois com Jesus, Ele foi Emanuel (Deus conosco). Quando caminhava em direção a Jerusalém para ser crucificado, prometeu aos seus seguidores que nunca os deixaria órfãos, mas que enviaria o Consolador, que “estará para sempre convosco” (João 14:16). Ao se despedir de seus discípulos na ascensão Jesus lhes afirmou: “Eis que estou convosco todos os dias, até a consumação dos séculos” Mateus 28:20.

Nós, que somos templo do Espírito Santo de Deus, temos a presença de Deus em nós. Deus está presente em nossas vidas de tantas maneiras que podemos descansar, pois nunca estaremos sozinhos. Eu lembro quando a Sasha nasceu ( sim, a filha da Xuxa). Na ocasião, a Xuxa disse que a partir daquele momento ela jamais estaria sozinha, pois agora tinha uma filha. Meu querido, como deve ser triste precisar de alguém para não se sentir sozinho. E como é triste também estar cercado de muitas pessoas e se sentir só. O que nos consola quando lemos a palavra de Deus é saber exatamente isso. DEUS É CONOSCO! E PARA TODO SEMPRE!

Diga isso agora: Eu nunca mais estarei sozinho, porque sei que Deus está comigo e estará comigo para sempre!

Obrigada Senhor pela tua presença em nossas vidas!

terça-feira, 11 de janeiro de 2011


Salmos 91

1- O que habita no esconderijo do Altíssimo e descansa à sombra do Onipotente
2- diz ao SENHOR: Meu refúgio e meu baluarte, Deus meu, em quem confio.
3- Pois ele te livrará do laço do passarinheiro e da peste perniciosa.
4- Cobrir-te-á com as suas penas, e, sob suas asas, estarás seguro; a sua verdade é pavês e escudo.

Ahhhh que coisa maravilhosa acordar com esse salmo em mente! Que privilégio nós temos em saber que sob as Suas asas encontramos segurança. O interessante nesses versículos é perceber que é necessária uma intimidade, um conhecimento maior do dono do esconderijo. Você não deixaria qualquer um se esconder na sua casa, deixaria? Provavelmente não, e se você estivesse em grande perigo ou precisando descansar sob uma sombra, também não pediria a qualquer pessoa. Provavelmente você iria à alguém que você sabe que pode contar. Maravilhoso é saber que podemos contar sempre com Deus, com a Sua proteção, com o consolo do Espírito Santo. Deus é onipotente. O dono do esconderijo tem todo o poder, tem todo o domínio. O dono do esconderijo é o nosso Pai.

Debaixo das asas de Deus não só encontramos segurança, mas também refrigério! A palavra refrigério de acordo com o dicionário significa alívio ou consolo. Quando não estamos sob as Suas asas estamos sujeitos a todo tipo de ataque. Estamos sujeitos ao sol intenso que tira as nossas forças e nossas energias, ou estamos sujeitos a grandes temporais que nos assustam e não nos deixam sentir paz. Mas isso não acontece quando estamos no esconderijo do Altíssimo, sob a sombra do onipotente.

Lá a temperatura é constante, suave, gostosa. Não sentimos medo, pois sabemos que estamos seguros. Deus vai te libertar do "laço do passarinheiro", da "peste perniciosa", "do terror noturno". Isso significa que as vezes o laço do passarinheiro poderá nos amarrar, estamos sujeitos a cair em eventuais armadilhas, mas tem uma PROMESSA. ELE NOS LIVRARÁ! Basta crer e praticar a sua fé. Basta entregar-se totalmente a Ele, a cada manhã, a cada dia, a cada noite, a cada momento da sua vida.

Tente agora imaginar você andando pelas ruas, em comunhão com Deus. Imagine agora uma sombra constante, um escudo te protegendo do mal. É assim que funciona. Ainda que nossos olhos não vejam, estamos seguros e protegidos em Deus. Deus não retira a Sua proteção da nossa vida, nós fugimos da Sua presença. Escolhemos nos ausentar!

Você precisa de consolo e refrigério? Corra para o esconderijo de Deus. Sempre terá um lugar para você.
Deus é o nosso refúgio e fortaleza, socorro bem presente nas tribulações. Salmo 46:1.

segunda-feira, 10 de janeiro de 2011

99%

Imagine que você está com muita sede, muito calor, com a boca seca, já se sentindo meio mal. Daí eu te ofereço um copinho bem geladinho de água 99% potável. 1% dessa água está contaminada de todo o tipo de porcaria e sujeira que você possa imaginar. Você aceitaria? Não? Nem se eu disfarçasse bastante? Nem dá para perceber o 1% de sujeira que tem na água. Certamente você se recusaria a beber uma água 99% limpa. Você quer e com toda razão uma água 100% potável não é?

Deus também. Deus quer o nosso 100%. Se nós não aceitamos uma simples água 99% limpa, o que nos leva a pensar que Deus deve aceitar 89,70% da sua adoração...10% do seu dízimo (dado de forma sofrida e por obrigação), 50% do tempo disponível que você tem em oração e ações de graças, 15%(e as vezes bem menos) de leitura da palavra?

Deus nos quer por inteiros, sem reservas. Quantas vezes você pára no seu dia e diz: “Esse tempo agora é só meu e do meu Senhor”? ou “Senhor, agora irei ler a tua palavra, fala ao meu coração e me revela o que está em oculto”?

Passamos nosso tempo fazendo tantas coisas. È bem verdade que muitos passam boa parte do tempo no trabalho, ou em casa com os afazeres domésticos, cuidando de filhos ou outras coisas e quando sobra tempo correm para a televisão para “descansar”, ou pegam o jornal para se atualizar, ou correm para o computador para ficar no MSN, Orkut, facebook ou o que for, ou ficam horas ao telefone jogando conversa fora. E onde fica o tempo especial separado para Deus? E se Deus quiser falar com você naquele exato momento você diz: “Espera aí Senhor, que já vou”!

Muitos buscam quantidade de vida espiritual. Estão na igreja de segunda a segunda, envolvidos em vários ministérios. São pessoas muito ativas na casa de Deus, mas a QUALIDADE de vida espiritual está muito ruim. Qual a qualidade da sua vida espiritual? O que impede de você dar esse 1% que está faltando? Deixa eu te falar uma coisa. Com quem e com o que você gasta o tempo do seu presente, vai ajudar a definir o tempo do seu futuro.

Não desperdice o seu tempo com coisas que não edificam a sua vida. É lógico que não é errado querer descansar e se divertir, mas isso não pode ser prioridade no seu tempo vago. Separe um tempo de qualidade com Deus. Você vai administrar isso da melhor forma. Ou será orando e intercedendo( e não só a oração noturna que começa com o “ Querido Deus” e termina com o zzzzzzzzzzzz), ou será meditando na palavra, ou lendo um bom livro. Deus quer ter um relacionamento íntimo e pessoal com você. Ele tem um tempo separado para todos nós.

“Buscar-me-eis, e me achareis, quando me buscardes de todo o vosso coração. Serei achado de vós, diz o Senhor…” Jeremias 29.13-14

sexta-feira, 7 de janeiro de 2011


UMA VEZ SALVO, SALVO PARA SEMRE?

NÃO! Isso é um grande engano que paira sobre o povo de Deus. Muitos acreditam que a nossa salvação é eterna. Que uma vez que aceitamos a Jesus e somos batizados estamos com o nosso passaporte garantido para o céu. A realidade não é bem assim e a bíblia nos dá respaldo para isso.
"Eu sou a videira verdadeira, e meu Pai é o agricultor. Todo ramo que, estando em mim, não der fruto, ele o corta; e todo o que dá fruto limpa, para que produza mais fruto ainda. Se alguém não permanecer em mim, será lançado fora, à semelhança do ramo, e secará; e o apanham, lançam no fogo e o queimam" (João 15:1-2, 6).

Em Mateus 7:21-23 Jesus nos diz que entrará nos céus aquele que fizer a vontade de Deus. Eu não sei se você tem feito a vontade de Deus, se você tem se esforçado para fazer o que Deus espera. A palavra nos mostra em inúmeras passagens como fazer a vontade de Deus. Basta que a gente queira descobrir.

Na escola bíblica levantaram a questão sobre o tal livro da vida onde o nosso nome está escrito (amém?). Em Apocalipse 3, na carta a igreja de Sardes, está escrito: “... e de modo nenhum apagarei o seu nome do Livro da Vida; pelo contrário, confessarei o seu nome diante de meu Pai e diante dos seus anjos..."

O Livro da Vida contém o nome de todas as pessoas. Ao contrário do que muitos pensam, o nome de uma pessoa pode sim ser apagado. Significa que podemos perder a salvação se continuarmos uma vida de pecados sem querermos demonstrar verdadeiro arrependimento, mesmo após tendo aceitado Jesus como Senhor e Salvador. O próprio Jesus afirma aqui que existe a possibilidade de se apagar nomes do Livro da Vida.

A primeira referência ao livro da vida aparece em Êxodo 32 quando depois que o povo fez o bezerro de ouro. Deus então diz a Moisés que riscaria do Seu livro todo aquele que pecar contra Ele (versículo 33). No versículo 1 do capítulo 12 de Daniel também aparece outra referencia com relação ao livro da vida: “E naquele tempo se levantará Miguel, o grande príncipe, que se levanta a favor dos filhos do teu povo, e haverá um tempo de angústia, qual nunca houve, desde que houve nação até àquele tempo; mas naquele tempo livrar-se-á o teu povo, todo aquele que for achado escrito no livro.”

O que o inimigo quer fazer é roubar aquilo que é seu. Sua coroa, sua unção, sua salvação. Ele chega bem de mansinho sem percebermos e nos atrai para o seu mundo caído, maquiado de prazeres e coisas boas. Não permita que seu nome seja apagado do livro da vida. Foi Deus que o escreveu lá. Se estivermos com Cristo, fazendo a vontade de Deus, nos desviando do mal, produzindo bons frutos, temos a garantia da vida eterna. Jesus é o caminho, a verdade e a vida. NINGUEM vai ao Pai a não ser por Ele.

Permaneça em Jesus, fiel aos seus mandamentos. A nossa salvação vem pela fé, pela graça de Jesus. Realmente ninguém pode apagar o seu nome do livro da vida. Somente Deus. Viva hoje como se Jesus fosse voltar amanha. Se examine. Mantenha as suas vestes limpas.

A nossa salvação está intimamente ligada às nossas escolhas. Escolher viver sem Deus é a pior escolha que o homem pode fazer.

Shalom

quinta-feira, 6 de janeiro de 2011


MURALHAS

O Salmo 18 foi escrito pelo rei Davi. Um grande rei de Israel. É um salmo de louvor a Deus por proteção, vitória e direção. Realmente é um belo salmo. Neste Salmo Davi nos diz que Deus ouviu e respondeu a sua oração. No versículo 29 Deus dá a Davi forças para superar os inimigos e os obstáculos e ele diz: “... com meu Deus eu salto muralhas”

Gostaria que você analisasse essa afirmação. O rei Davi era totalmente dependente de Deus, e ele reconheceu isso ao dizer “com meu Deus”. Ele sabia que somente o Senhor Deus o capacitaria a saltar as muralhas (não uma muralha e sim algumas). O que são essas muralhas? Muralhas são muros ou paredes de grande espessura e altura. Também significa motivo de separação, defesa, incompatibilidade, obstáculo.

Durante a nossa vida, vamos encontrar situações que precisaremos construir muralhas ou derrubar muralhas. Precisaremos construir muralhas para nos separar do mundo, para nos proteger dos ataques do inimigo. Deus nos ajuda nessa construção! À medida que nos posicionamos e o buscamos em oração e leitura da palavra, Ele vai acrescentando tijolinhos de amor no nosso muro.

Precisaremos derrubar as nossas muralhas imaginárias. Aquelas que foram construídas na nossa mente e no nosso coração por nós mesmos. Muralhas que não são de proteção e sim que geram frieza, desânimo, falta de esperança e de fé. Muralhas que ao longo da vida construímos. Alguns dizem que com as pedras que nos jogam constroem um castelo. Eu discordo. Acho que constroem muralhas na nossa alma e nas nossas emoções. Ficamos “calejados” e nos tornamos completamente diferente daquilo que Deus espera de nós.

Quando Deus falou com Josué, Deus prometeu que ele entraria na terra que o Senhor haveria de dar. E as promessas não pararam por aí. Deus garantiu que ninguém resistiria a Josué e que Ele nunca o desampararia. O que Deus pediu foi que Josué tivesse força e bom ânimo. Muito bem, quando Josué chegou a Jericó o que encontrou? Uma grande muralha que o separava da promessa de Deus. Jericó estava completamente fortificada. A posse da promessa parecia impossível de acontecer. Não imagino o que Josué pensou, mas eu sei o que ele fez. Debaixo de uma direção de Deus e na força do Senhor o obstáculo caiu e eles foram vencedores.

Você tem muralhas que o impedem de alcançar o que Deus tem para você? Só você sabe a altura e espessura dela. Mas eu te digo que você COM DEUS, você pode saltá-las. Esteja em comunhão com o Pai. Ouça a sua instrução. Confie nas provisões de Deus. Ele nunca te abandonará no meio da sua caminhada.

Quando você se deparar com essa muralha gigante lembre-se que diante de Deus ela não passa de um murinho bem pequeno. Não se esqueça disso!

DEUS É AMOR

Que amor é esse, que se move dentro de mim? Me alcançou com perdão, intensamente me atraiu. Impossível estar distante, desse amor que me cerca, eu amo te amar Senhor. (Marcelo Aguiar)

Quem nunca ouviu falar que Deus é amor? Acredito que pouquíssimas pessoas. Até porque está escrito em adesivos de carros, nome de igrejas, estampado em camisetas ou até mesmo dito e repetido como um amuleto. Há alguns anos venho dizendo que banalizaram o amor, mas hoje infelizmente eu percebo que algumas pessoas não têm dimensão do amor de Deus, outras não vivem o amor de Deus e outras banalizaram mesmo esse amor.

O que sabemos a respeito do amor? Bom segundo a palavra de Deus o amor é sofredor, é benigno; o amor não é invejoso; o amor não se vangloria, não se ensoberbece, não se porta inconvenientemente, não busca os seus próprios interesses, não se irrita, não suspeita mal; não se regozija com a injustiça, mas se regozija com a verdade; tudo sofre, tudo crê, tudo espera, tudo suporta. (1 Coríntios 13: 4-7)

E a respeito do amor de Deus? O que você sabe? O amor de Deus é incondicional e é constante, muito diferente do nosso a propósito. Nós somos movidos a sentimentos e a emoções e eles oscilam muito. Uma hora gostamos, outra não. Uma hora dizemos que amamos, depois o amor acaba ou esfria. Uma hora estamos empolgados, depois esfriamos. Deus não é assim. O amor de Deus é constante e eterno para conosco. Deus é amor puro e o amor Dele é perfeito. Deus nos ama de uma maneira que nem sequer imaginamos ou podemos compreender. E não entendemos exatamente porque temos referências erradas de amor, nossa referência é humana, é carnal.

Deus nos amou (e ama) de tal maneira que deu seu ÚNICO filho pela nossa vida! Você tem noção da dimensão desse amor por mim e por você? Cristo Jesus morreu por nós, sendo nós ainda pecadores. Você ainda não tinha nascido, não tinha tido consciência do que é pecado e do que não é, e Deus já havia te amado tanto que a morte de Cristo na cruz foi a maior expressão desse amor. O sangue de Jesus selou esse amor. Por nos amar de modo inexplicável, o Senhor nos disse: Meu filho está naquela cruz passando por tudo aquilo porque AMAMOS você, e não queremos nunca que você sofra. Ali estão suas dores, suas doenças, suas decepções, suas derrotas e tudo mais.

Deus não ama nossos pecados, nossas iniqüidades, nossas mazelas. Ele nos ama. Você consegue entender a diferença? Quando Deus oferece o seu amor, é sem restrição. Não importa o que você fez no passado. Ele te ama incondicionalmente.
É o amor de Deus que nos faz andar sobre as águas quando as tribulações querem nos afundam. É esse amor que com apenas uma palavra faz reviver coisas mortas em nossas vidas. É o amor de Deus que nos acolhe e massageia o nosso coração quando estamos tristes, deprimidos e solitários. É o amor de Deus que nos alimenta quando na nossa frente aparece a escassez.

“Quem nos separará do amor de Cristo? A tribulação, ou a angústia, ou a perseguição, ou a fome, ou a nudez, ou o perigo, ou a espada? Mas em todas estas coisas somos mais do que vencedores, por aquele que nos amou. Porque estou certo de que nem a morte, nem a vida, nem os anjos, nem os principados, nem as potestades, nem o presente, nem o porvir, nem a altura, nem a profundidade, nem alguma outra criatura nos poderá separar do amor de Deus, que está em Cristo Jesus, nosso Senhor” ( Romanos 8.35-39).

A única pessoa que pode te separar do amor de Deus é você mesmo! E se você quer sentir mais desse amor, busque a Deus intensamente. Amar é um dom de Deus, um dom que se aprende quando se conhece a Deus, quando se está mais próximo dele.

Deus nos diz: Não tente entender como e porque EU TE AMO. Eu te amo e quero que você saiba e viva o Meu amor.

Obrigada Senhor pelo Teu amor.

terça-feira, 4 de janeiro de 2011


POSICIONAMENTO!

No texto de ontem falei um pouco sobre posicionamento. Gostaria de dividir com vocês algumas coisas a respeito disso. Eu acredito que todos nós estamos posicionados. Se pensarmos num muro, ou estamos de um lado, ou estamos do outro lado, ou estamos em cima do muro. Às vezes é muito cômodo ficar em cima do muro, não ter que tomar nenhuma decisão, simplesmente ir levando a vida da maneira que dá menos trabalho ou é mais prazerosa.


Bom, nossa vida com Deus, nossa vida espiritual não funciona assim. Precisamos nos posicionar. Ou descemos do muro e nos colocamos ao lado de Deus, ou simplesmente assumimos a posição do outro lado. Não existe, ou melhor, não pode existir meio termo.

“Naqueles dias, não havia rei em Israel; cada um fazia o que achava mais reto.” Jz 21:25 Queridos, o mesmo não acontece nos dias de hoje. Hoje temos o Rei dos Reis, o Senhor dos Senhores na nossa vida. Não podemos mais viver como viviam o povo no período dos juízes. A palavra de Deus nos mostra nos ensina o que é reto. Não temos mais que achar nada, o que temos que fazer é obeceder.

Posicionar-se, escolher o lado do Senhor significa algumas vezes abrir mão das nossas vontades, abrir mão de satisfazer a nossa carne para agradar a Deus. O posicionamento em Deus é um divisor de águas nas nossas vidas. Quando nos posicionamos, passamos a ter um relacionamento mais íntimo com o Pai, mais profundo. Nos tornamos mais sensíveis ao Espírito Santo, nos tornamos amigos de Deus. As consequências de estarmos firmes em Deus são as melhores!! Vale muito a pena se posicionar. Vale a pena dizer: - “Chega de oscilação na minha vida. Quero viver para Deus e da maneira que Deus espera!”

“Não sabeis vós que a amizade do mundo é inimizade contra Deus? Portanto, qualquer que se fizer amigo do mundo constitui-se inimigo de Deus”. Tiago 4:4

O que é ser amigo do mundo? Sabemos que se amamos o mundo o amor de Deus não está em nós. Ser amigo do mundo é ir contra as coisas que agradam ao Senhor e no fundo nós sabemos exatamente quais são elas. Deus diz que nos considera amigos Dele se fazemos o que ele manda. Você sabe o que Deus manda você fazer? Não? Sugiro que você passe mais tempo com a palavra de Deus. Aquele é o nosso manual.

Ame as coisas de Deus e não as coisas deste mundo, não devemos ajuntar tesouros aqui na terra, pois tudo que está aqui passará, menos as palavras do Senhor, busque o que é de valor eterno!

Vale a pena pagar o preço por Jesus. Quando pensamos no sacrifício de Jesus na cruz percebemos que NADA nos é difícil ou impossível fazer. Aquilo sim foi difícil.
Que você possa amar quem te ama, se sacrificar por quem se sacrificou por você, ser amigo de quem é seu amigo, ser fiel a quem nunca te abandonou: JESUS CRISTO.

SHALOM

segunda-feira, 3 de janeiro de 2011


INÍCIO

Gostaria de compartilhar com vocês a palavra de Deus que está em Genesis 1:1, 2 – “No princípio criou Deus os céus e a terra. E a terra era sem forma e vazia; e havia trevas sobre a face do abismo; e o Espírito de Deus se movia sobre a face das águas.”

Estamos no início do ano, no início de um ano cheio de promessas. Sabemos que em 2011 iremos AVANÇAR, CONQUISTAR E POSSUIR. Já começamos o ano cheio das promessas de Deus. Promessas reservadas para nós, que somos raça eleita, sacerdócio real, nação santa e propriedade exclusiva do Senhor. Porém, nem sempre é fácil tomar posse dessas promessas quando olhamos a nossa volta e percebemos a realidade da nossa vida.

Muitos começaram o ano de 2011 exatamente como a terra estava; sem forma e vazia. Em alguma área da sua vida você pode estar experimentando um período de sequidão, onde num primeiro momento não é visto nada além do que o caos, e tudo o que você precisa é que Deus transforme a sua tristeza em alegria, a sua falta de fé em esperança, o seu choro em riso, sua doença em saúde.

Quero te dar uma boa notícia. DEUS QUER FAZER ISSO! Ele é galardoador daqueles que O buscam (Hebreus 11:6), isto é, Deus é abençoador! Veja o que Deus fez com a terra! Transformou aquilo que estava caótico em benção. Transformou o que estava sem forma em lugar de deleite. O Éden foi criado. E observem que Deus colocou no Éden árvores FRUTÍFERAS!

Meu querido, Deus não só vai transformar a sua vida nesse ano como você vai dar frutos. E frutos bons! E todos verão e dirão que a mão do Senhor foi quem fez isso. Você será testemunho vivo do poder de Deus. Lembre-se que o Espírito Santo de Deus, habita em nós. Paulo escreveu aos santos em Corinto: "Acaso, não sabeis que o vosso corpo é santuário do Espírito Santo, que está em vós" (1 Coríntios 6:19). Então se você hoje é separado por Deus, se você já recebeu a Jesus como Senhor e Salvador creia somente que o cumprimento das promessas de Deus estão muito próximas.

Fomos criados a imagem e semelhança de Deus. Cl 3:10 - “E vos revestistes do novo homem, que se refaz para o pleno conhecimento, segundo a imagem daquele que o criou”.

Não desanime. O ano está só começando. Permaneça fiel e obediente. A terra era perfeita e foi a desobediência que estragou o plano inicial do Senhor. Resgate o plano inicial de Deus para a sua vida. Com Jesus você pode!

Feliz Ano novo!
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...